31 de março de 2015

Para ler: Unnatural Creatures

I wished I could visit a Museum of Unnatural History, but, even so, I was glad there wasn't one. Werewolves were wonderful because they could be anything, I knew. If someone actually caught a werewolf, or a dragon, if they tamed a manticore or stabled a unicorn, put them in bottles, dissected them, then they could only be one thing, and they would no longer live in the shadowy places between the things I knew and the world of the impossible, which was, I was certain, the only place that mattered.
Ando um tanto desconfiada com antologias com o Gaiman no meio – acho que essa é a terceira ou quarta que pego em que ele repete Sunbird como sua participação. É um ótimo conto, eu concordo, mas considerando que eu geralmente escarafuncho essas antologias para alimentar minha necessidade de novas histórias gaimanianas, alguma coisa está errada com tal situação...

Mas, seja como for, Unnatural Creatures não apenas teve a participação do tio Neil, como foi organizada por ele – e quando não estou lendo histórias do Gaiman, estou indo atrás de histórias que ele indicou, então, no final das contas, fiquei no lucro.

Antologias de contos são, de uma forma geral, experiências cheias de altos e baixos – um ou dois contos espetaculares e o resto entre mediano e medíocre. Já tive várias decepções com antologias temáticas, e geralmente me aproximo delas com certa desconfiança.

Felizmente, Unnatural Creatures foi uma exceção a essa regra. A premissa, em primeiro lugar, é curiosa: reunir histórias envolvendo criaturas fabulosas: abelhas cartógrafas, manticoras e grifos, sereias, manchas carnívoras na parede... é um desfile de animais fantásticos, muitos saídos de pesadelos, vários surgindo de uma maneira nova, em releituras extremamente criativas.

Praticamente todas as histórias do livro são excelentes. Mesmo as que não gostei particularmente – porque achei muito longas e convolutas - ainda são superiores ao que estou acostumada nesse tipo de volume. Fiquei impressionada e apaixonada – e saí colocando metade dos autores que ainda não conhecia (a outra metade me era já bastante familiar) na lista de futuras leituras...

Nota:
(de 1 a 5, sendo: 1 – Não Gostei; 2 – Mais ou Menos; 3 – Gostei; 4 – Gostei muito; 5 – Excelente)

Ficha Bibliográfica
Título: Unnatural Creatures
Autor: Vários (histórias selecionadaspor Neil Gaiman)
Editora: HarperCollins Publishers
Ano: 2013
Número de páginas: 462

Onde Comprar

Amazon || Book Depository || Cultura || Saraiva


A Coruja


____________________________________

 

6 comentários:

  1. hum.... ótima indicação! entrou para a minha wish list :-D

    ResponderExcluir
  2. Super me interessei por esta antologia, estou precisando urgente voltar para os estudos de inglês, acho que vou comprar esse exemplar por motivos de capa linda e eu sou ridícula :P

    "e quando não estou lendo histórias do Gaiman, estou indo atrás de histórias que ele indicou." me identifiquei tanto com essa frase, por que será? KKKKKKKKK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Huauahuahuahua... realmente, Gaiman é meu tudo... Enfim, acho que essa é uma antologia mais difícil de ser traduzida que Trigger Warning, então vale à pena inventir nela em inglês. E, de fato, a capa é muito linda! Todo começo de capítulo tem ilustrações também, edição muito bem acabada, babei quando chegou aqui...

      Excluir
  3. Preciso confessar q desejei o livro principalmente pela capa. Preciso voltar estudar inglês urgentemente :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas uma capa linda dessa... tem de babar mesmo. Eu sei que babei...

      Excluir

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog