6 de dezembro de 2017

Conversas sobre o Tempo: Enquanto esperamos pelo Fim do Mundo... digo, do Ano


Piscamos o olho e, ora vejam, é dezembro. Cá no hemisfério sul estamos nos acabando no calor, com nuvens esparsas e a perspectiva de que a coisa tende a piorar - afinal, o verão ainda não começou oficialmente. Fora isso, não tenho como honrar a boa máxima britânica de começar uma conversa falando sobre o tempo, porque ele não tem mudado muito nos últimos dias e ainda não estou na idade de começar a reclamar que 'os verões eram mais amenos na minha mocidade'. Enfim, pouca meteorologia hoje, mas muitas notas aleatórias para despejar por aqui.


____________________________________

 
1 de dezembro de 2017

Desafio Corujesco 2018


Chegou a época de resolver os temas do Desafio Corujesco para o ano que vem – algo que, a essa altura, já virou uma tradição do blog, não é mesmo? E, como esse ano, fizemos os temas em parceria com a Tábata, lá do Randomicidades – de forma que temos uma segunda edição do Desafio Corujesco Mistério Randômico... ou não tão misterioso, já que não estabelecemos um tema... ou talvez o tenhamos feito, porque *olha a lista de temas* vários deles são uma viagem por tempo e espaço.

Mas, hei, ler é sempre uma viagem por tempo e espaço, não é mesmo?


____________________________________

 
30 de novembro de 2017

Retratos Literários - Semana 5


Hoje é o último dia do desafio Retratos Literários. Consegui fazer as fotos de todos os temas nos dias certinhos. Yay! Enfim, gostei do desafio desse ano; espero que ano que venha tenha de novo (fica a dica, Tatá!)


____________________________________

 
29 de novembro de 2017

A Vertigem das Listas: Onze Casais que são Duplas Imbatíveis


Ísis: Nossa, faz um tempinho que não temos Vertigem, do meu ponto de vista…

Dessa vez o tema é simples para a Luciana não chorar… Em homenagem ao dia dos pares (11/11) - ou dos pockys, no caso do Japão - vamos comemorar ONZE PARES 1+1, ou seja, onze casais que são mais que interesses amorosos, mas verdadeiras duplas imbatíveis!


Lulu: OBRIGADA por pensar em mim e não dificultar minha vida com temas excêntricos!


____________________________________

 
27 de novembro de 2017

Reatros Literários - Semana 4


Penúltima semana do desafio Retratos Literários, mais um pouquinho do quartel-general da d. Coruja e os livros nas estantes cá de casa...


____________________________________

 
20 de novembro de 2017

Desafio Corujesco 2017 - Um Livro de um Autor Brasileiro || As Águas-Vivas não Sabem de Si

A relação que os azúlis estabeleceram com as outras espécies era algo inédito: pela primeira vez, uma espécie se enxergava como superior às outras; nem pela força, nem pelas posições hierárquicas de uma cadeia alimentar, mas pela profunda consciência de que, por possuírem mais recursos e mais inteligência, deveriam ser responsáveis pelas outras formas de vida ao redor. Era uma época em que superioridade significava ter responsabilidade de cuidar e proteger - o que não seria fácil de ver novamente.
Não lembro exatamente quando foi que esse título primeiro me chamou a atenção - talvez a capa, numa visita à livraria, talvez de ouvir o título. Mas foi na época em que estávamos trabalhando na Antologia Valquírias, quando a Aline Valek foi convidada para escrever o prefácio, que acabei indo atrás de descobrir do que se tratava As Águas-Vivas não Sabem de Si.


____________________________________

 

Sobre

Livros, viagens, filosofia de botequim e causos da carochinha: o Coruja em Teto de Zinco Quente foi criado para ser um depósito de ideias, opiniões, debates e resmungos sobre a vida, o universo e tudo o mais.

Cadastre seu email e receba as atualizações do blog

facebook

Arquivo do blog